Em defesa do SUS

Raquel Marques, além de mãe e codeputada estadual com a Bancada Ativista, é Sanitarista, Mestre em Saúde Pública e Doutora em Medicina Preventiva.

Minha campanha não produzirá aglomerações.

Não tem pegadinha, é campanha política sem ação de rua.

"Não vou ignorar o que sei...Minha atitude importa"

Mais de 160.000 pessoas perderam suas vidas até agora no país em casos ligados à pandemia de coronavírus. Minha entrada na política institucional é consequência da minha trajetória ativista. São mais de 20 anos defendendo políticas baseadas em evidências científicas, principalmente relacionadas à saúde. Eu não vou ignorar o que eu sei e a minha política é como a minha vida: alinhando o discurso à prática, à luz das evidências científicas, colocando a vida como prioridade e em busca de evolução sempre! A minha atitude importa!

É responsabilidade da classe política, que hoje disputa o voto do povo, zelar pelo bem estar público e propor melhorias. E isso não pode acontecer apenas nos plenários. Precisamos mudar o jeito de fazer as coisas desde as mínimas atitudes cotidianas, e isso inclui o processo eleitoral. Reduzir circulação, não promover aglomerações e criar formatos dinâmicos e inteligentes para campanhas políticas num cenário de pandemia é o que eu julgo ser adequado para os dias de hoje. Eu sou contra o negacionismo que vem tentando nos sufocar. Estou do lado da vida, da ciência e disposta a reinventar nosso papel no mundo. 

"Estou do lado da vida, da ciência e disposta a reinventar nosso papel no mundo."

"Reconheço, agradeço e me encho de amor e esperança por vocês!"

Reconheço, agradeço e me encho de amor e esperança por vocês! Vocês que estão há meses se sacrificando, se reinventando, seguindo as recomendações de distanciamento social, ajudando a reduzir danos, deixando as ruas, o transporte público e os leitos de hospital para quem realmente precisa. Os números da pandemia poderiam ter sido ainda mais alarmantes se tivéssemos nos rendido ao negacionismo e às propostas que não colocam a vida das pessoas no centro. A nossa atitude importa!

Aos profissionais da saúde, a quem está na linha de frente do SUS. Aos trabalhadores essenciais, coveiros, lixeiros, agricultores, todo setor de cuidado com a vida. Aos trabalhadores mais vulneráveis que não tiveram a opção de permanecer em confinamento sob a ameaça da miséria diante da morosidade do governo em prover para seu povo. Às crianças que nunca tiveram de fato o direito à cidade e perderam com a pandemia seu único lugar de convívio social e comunitário, a escola. E à suas mães que arcaram na maioria dos casos sozinhas com todo o ônus do trabalho invisível do cuidado. Às famílias dos mortos e em suas memórias: minha reverência e respeito. É por vocês que minha consciência dorme tranquila em refutar o modelo incoerente da política convencional. Seu esforço, sua luta, sua vida não podem ser esquecidos.

"Seu esforço, sua luta, sua vida não podem ser esquecidos."

"Vamos fazer política com evidências e com afeto"

A quem, assim como eu, entende a  importância de priorizar os setores que cuidam, alimentam e mantêm a vida: vem comigo! Vamos fazer política com evidências e com afeto. Vamos mostrar que é possível criar mudança de um jeito colaborativo. Vamos trazer ações concretas para sair da crise em um futuro que possa ser abundante para todos, através da Política do Cuidado. Quero te ouvir e preciso de gente como você para construir uma São Paulo mais humana. A sua atitude importa!

Entre no nosso grupo de Facebook e dê um alô:

Se preferir, me chame no WhatsApp falando que topa voluntariar para multiplicar nossa campanha: 11 99152 3401

Precisamos de ajuda para agitar a campanha nas redes. Vamos construir juntas este novo jeito. Vem!

Fale comigo pelas redes

  • Ícone do Youtube Branco
  • Branca Ícone Instagram
  • icon_whats2_edited_edited
  • Ícone do Twitter Branco
  • TikTok